Como comprar um caminhão

Como comprar um caminhão

Por mais que pareça uma realidade distante para boa parte das pessoas, existem muitos interessados na compra de um caminhão. E, mesmo em tempos de pandemia, que complicou bastante o ritmo econômico de produção do país, não faltam interessados nesse tipo de compra. 

Para se ter uma ideia, só em 2021 houve um aumento de 48,6% na compra de caminhões novos, comparado ao mesmo período do ano anterior, segundo dados da Fenabrave, federação que reúne as associações de concessionárias de veículos no País. 

Uma série de combinações contribuem para este índice positivo. O aumento da safra de produtos agrícolas, por exemplo, foi um dos principais motivos para esse crescimento. A alta do dólar de certa forma aumentou a demanda por produtos nacionais, muitos deles entregues por caminhões, sem falar na baixa taxa de juros registrada naquele período, contribuindo para que mais empresas pudessem renovar suas frotas

Essencial para a economia do país, os caminhões têm atraído cada vez mais interessados, seja pessoa física - que conta com um rol maior de transportadoras e empresas de logística que precisam de sua força de trabalho - ou pessoa jurídica, considerando que o Brasil possui uma complexa malha rodoviária. 

Mas, você conhece quais são as formas possíveis de comprar um caminhão? Vamos explicar tudo isso em detalhes, para que você se organize da melhor forma. 

Formas de comprar um caminhão 

A seguir, vamos detalhar as formas de pagamento de um caminhão. Confira.  

Pagamento à vista 

O caminhão é um bem que custa mais caro do que um automóvel comum. E, quanto maior a sua capacidade e mais aprimorado for o seu modelo, mais caro ele é. 

Mas, para a sua compra, é possível contar com o pagamento à vista. Assim como qualquer compra desse tipo, você precisa ter o dinheiro completo para sua compra. 

A vantagem é que você quita o caminhão de uma só vez, sem estender o valor da dívida. 

Porém, você precisa ter um valor de seis dígitos na conta para concluir essa transação. Por mais que o pagamento à vista seja recomendado para quem quer se livrar da dívida de uma só vez, ele só é recomendado quando se tem um patrimônio constituído ou uma reserva de emergência para toda a família. 

Em outras palavras, o dinheiro para o pagamento à vista não pode fazer falta para o interessado em comprar. Se você ainda não tem uma reserva de emergência ou um bom patrimônio constituído, vale a pena reavaliar o uso do dinheiro. Garanta a sua reserva em uma conta apartada de sua conta corrente e use o dinheiro para se proteger de qualquer tipo de imprevisto. Para isso, você pode avaliar outras formas de comprar o seu caminhão, que iremos detalhar a seguir. 

Financiamento 

Como nem todos têm o dinheiro à vista para a compra de um veículo pesado como o caminhão, muitos consideram o financiamento. Para isso, precisam do intermédio de uma instituição financeira, que geralmente compra o veículo de interesse e parcela o valor com o acréscimo de juros

Para conseguir financiar o seu caminhão, é preciso dar um valor de entrada - geralmente de 20% do total de seu valor. Após entregar uma série de comprovações de renda, para garantir que irá conseguir pagar as mensalidades, a instituição faz a liberação e permite o financiamento do veículo

Embora seja uma forma de viabilizar a compra, o financiamento pode fazer com que o valor final do veículo pesado custe o dobro ou mais de seu valor original. Por conta dos juros compostos, que são juros sobre juros, você acaba pagando mais caro por um bem que, até o final de seu devido pagamento, passará por um processo de desvalorização. 

No fim das contas, o consumidor acaba arcando com um grande prejuízo, porque precisa pagar mais para o banco para ter acesso ao seu veículo. Além do mais, precisa ter um bom valor de entrada para prosseguir com o financiamento.  

Consórcio 

O consórcio é uma forma planejada de parcelar a sua compra, sem ter que dar entrada ou pagar juros por suas mensalidades. Além disso, na hora da compra, você tem poder de compra à vista. 

A diferença é que você não recebe o bem na hora que fecha o consórcio, porque se trata de uma espécie de autofinanciamento. Para isso, uma administradora, que é a empresa responsável pelo consórcio, conduz o processo do começo ao fim. É preciso que a administradora tenha autorização do Banco Central do Brasil (Bacen) para que possa operar. Dessa forma, você evita cair em qualquer tipo de fraude de consórcio

Depois de escolher a administradora, você pode partir para a simulação, momento em que você define o valor total para a compra do bem, representado pela carta de crédito, e a quantidade de mensalidades em que deseja dividir este valor. 

Você pode simular quantas vezes quiser, até definir um valor de mensalidade que esteja condizente com a sua realidade financeira. Um aspecto positivo da simulação é permitir saber o valor da mensalidade já com acréscimo das taxas de consórcio, como taxa de administração, que remunera a empresa por todos os serviços realizados, e o fundo de reserva.  

Pelo consórcio, você entra em um grupo, em que pode ser contemplado por sorteio ou com a oferta de um lance. 

A grande vantagem do consórcio é permitir uma compra planejada a longo prazo, sem fazer com que o consumidor gaste dinheiro com juros. E, como se trata de um investimento diretamente na carta de crédito, o consumidor não é prejudicado com a perda do poder de compra - tanto que o valor é corrigido até o momento em que for contemplado, possibilitando a compra do seu caminhão como se tivesse com o dinheiro à vista. 

Por conta disso, o consórcio se apresenta como a melhor forma de parcelar a compra de um bem, de forma planejada e sempre flexível a seu favor.  

Para entender melhor como essa modalidade funciona, vamos explicar os detalhes a seguir. 

Consórcio para a compra de um caminhão 

Por mais que pareça complicado, fazer um consórcio para a compra de um caminhão é mais simples do que você imagina. 

Antes de tudo, é preciso selecionar uma administradora de confiança, que tenha autorização do Bacen. A Embracon, por exemplo, tem mais de 30 anos de história realizando sonhos de milhares de pessoas. 

Vale a pena pesquisar o valor que você precisaria para a compra do seu caminhão de forma antecipada. Você pode consultar a Tabela Fipe ou até mesmo pesquisar em concessionárias o modelo que você deseja comprar. 

É possível utilizar a carta de crédito para a compra tanto de um modelo zero km, como um seminovo, contanto que tenha, no máximo, cinco anos de utilização. 

Com um valor final em mente, você já pode passar para o processo de simulação de consórcio de veículos pesados. 

A primeira informação pedida é o valor de carta de crédito, ou seja, o valor necessário para a compra do caminhão que deseja. Depois disso, basta inserir a quantidade de mensalidades que deseja dividir. É possível simular quantas vezes for necessário

O grande objetivo do simulador é permitir que o interessado identifique o melhor valor de mensalidade para a compra do seu bem com o consórcio. Como resultado, você já sabe quanto teria que pagar pelas mensalidades, incluindo taxas de consórcio, como: 

  • Taxa de administração: que remunera a empresa de consórcio por todos os serviços realizados, como formação dos grupos, assembleias, entrega da carta de crédito etc. 

  • Fundo de reserva: serve como garantia para o fundo comum, caso um ou mais consorciados deixem de pagar pelo consórcio. 

Simule quantas vezes for necessário, até chegar ao valor que faça mais sentido para você ou para a sua empresa. Caso queira comprar um modelo com valor superior ao limite da carta de crédito, é possível investir em mais de uma cota de veículos pesados

Antes de fechar o contrato, é preciso conversar com um especialista de consórcio, que vai tirar todas as dúvidas e entregar o contrato de adesão. Vale ressaltar que a mensalidade do consórcio não pode ser 30% superior aos seus rendimentos mensais (ou da sua empresa). Para isso, a administradora faz uma breve análise de crédito antes de entregar o contrato de adesão. 

Ao entrar em um grupo, você participa das assembleias, onde acontecem as contemplações. Para participar das assembleias, é preciso estar com o pagamento em dia de sua cota e entrar na Área de Clientes, para acompanhar o link com as datas. Tudo pode ser acompanhado de forma online. 

É possível ser contemplado de duas formas pelo consórcio: 

  • Sorteios: as assembleias são feitas via aproveitamento dos prêmios da Loteria Federal. Os sorteios são feitos na seguinte ordem: primeiro clientes ativos, depois clientes cancelados e por último as contemplações por lance. 

  • Oferta de lance: caso queira antecipar a sua contemplação, você pode fazer a oferta de um lance, que é um valor a mais que o consorciado pode dar. O lance é feito às cegas, ou seja, não dá pra saber as ofertas dos demais consorciados. Todo o processo pode ser feito pela Área de Clientes. Basta propor o valor que desejaria dar de lance e acompanhar a assembleia. Pelo lance livre, que é a modalidade mais comum, o maior valor ofertado determina o vencedor.  

Quanto maior for a sua oferta, maiores são as chances de sair como vencedor.  

Quando o lance é efetivado, o valor debitado quita as últimas mensalidades de seu consórcio de veículos pesados. Por conta disso, o lance facilita a quitação de sua cota de forma antecipada

Independente da forma de contemplação, é preciso passar pela análise de crédito, momento em que a administradora consulta o nome do consorciado junto aos órgãos de proteção de crédito, além de conferir os dados pessoais. É extremamente importante seguir todos os passos recomendados pela administradora, para que você possa ser devidamente contemplado. 

Esse processo é realizado para que o possível contemplado garanta seu comprometimento com a administradora. Afinal, seja via sorteio ou lance, muito provavelmente o consorciado continuará com a sua cota em aberto junto à administradora. E, a fim de evitar qualquer tipo de inadimplência que possa prejudicar os demais integrantes do grupo, que ainda contam com os recursos do fundo comum, a administradora realiza a análise e, na entrega da carta de crédito, mantém o bem alienado em seu nome. 

Após a análise de crédito, finalmente você pode utilizar a sua carta para a compra do caminhão que deseja. É possível comprar em uma concessionária ou de outro proprietário, contanto que o veículo apresente boas condições como seminovo.  

Com o poder de compra à vista da carta de crédito, é possível ter uma boa margem de negociação com o dono do veículo. Veja quais as melhores oportunidades de compra e utilize a sua carta com a certeza de fazer um bom negócio.  

Ao escolher o caminhão, também não precisa utilizar o valor certinho da sua carta de crédito. Se o valor da carta for maior que o bem, é possível utilizar até 10% do valor da carta para despesas burocráticas, como idas ao cartório, transferência de propriedade, entre outros gastos desse tipo. E, se o caminhão tiver um valor superior à sua carta, sem problemas: a administradora segue com a liberação, e você pode completar a transação com os seus próprios recursos, a partir do que negociar com a concessionária ou proprietário. 

O que considerar para a compra de um caminhão 

Agora que você conhece bem as formas de se investir em um caminhão, vamos mostrar um passo a passo do que precisa considerar para a compra de um modelo que tenha a ver com as suas necessidades.  

Faça um planejamento 

Toda compra de um bem de alto valor precisa passar por um processo de planejamento. Com a compra de um caminhão, não seria diferente. 

Primeiramente, é preciso ter em mente o valor necessário para esse tipo de compra e organizar suas finanças para lidar com esse tipo de pagamento. Por mais que você escolha parcelar por meio do consórcio ou financiamento, por exemplo, precisa ter uma sobra mensal para lidar com esses pagamentos e não gerar nenhum tipo de atraso. 

A melhor forma de controlar suas finanças é por meio de uma planilha. Você pode inserir o valor que ganha mensalmente e listar todos os seus gastos, para identificar o quanto poderia investir de seu orçamento para a compra de um caminhão. 

Escolha o modelo do seu caminhão 

Agora que você já tem uma noção de orçamento para a compra do seu caminhão, precisa fazer uma boa pesquisa por modelo. 

Antes mesmo de definir qual o modelo específico, precisa entender que tipo de caminhão precisa. Afinal, existem centenas de modelos para funções diferentes, e você precisa entender a sua necessidade antes da compra. É possível investir em um caminhão menor, para demandas nas cidades, por exemplo. Mas, se trabalha em uma transportadora e precisa lidar com uma elevada quantidade de cargas, precisa considerar um tipo mais robusto e, provavelmente, mais caro. 

Estes são os principais modelos: 

  • VUC (Veículo Urbano de Carga): também conhecido como caminhão ¾, possui limite de emissão de poluentes, ideal para transporte de pequenas mercadorias nas ruas das grandes cidades. 

  • Caminhão semipesado: conhecido como caminhão tipo toco, possui dois eixos na carroceria: um frontal e um traseiro, com capacidade de transportar até 6 toneladas. Costuma ser bastante utilizado para mudanças e transporte de carga seca. 

  • Caminhão truck (6x2): muito parecido com o semipesado, com a diferença de que possui eixo duplo na parte da carroceria. Por conta disso, permite levar cargas mais pesadas. 

  • Carretas: apesar de ser associada a um tamanho gigante, a primeira estrutura da carreta, conhecida como cavalo mecânico, possui diversas formas: a simples, com quatro rodas; o conjunto trucado, com seis rodas no total (sem a carroceria); e os modelos com múltiplos eixos. 

Avalie estado de conservação 

Se precisar, conte com um especialista para avaliar a situação do caminhão que deseja comprar. Dessa forma, é possível garantir uma compra mais segura. Um bom mecânico pode ajudá-lo nessa etapa - principalmente tratando-se de um veículo pesado seminovo, que já possui tempo de uso relevante. 

Determine o melhor valor de carta de crédito 

Caso escolha o consórcio como forma de comprar um caminhão, determine o valor que esteja mais próximo do valor final do seu bem. 

Mas, como já explicamos, caso o valor seja diferente, você pode utilizar parte do saldo restante ou até mesmo completar com os seus próprios recursos. 

Como investir em frotas de caminhões 

Pessoas jurídicas podem investir em frotas de caminhões para lidar com o seu tipo de negócio. O consórcio é perfeito para esse tipo de investimento, porque permite planejar do começo ao fim esse tipo de aquisição. 

Para isso, é preciso conversar com o especialista de consórcio e explicar a sua proposta. Dentro de um grupo de consórcio, um CPF ou CNPJ pode deter até 10% do total de cotas.  

Ao investir em mais de uma cota, a soma de todas elas não pode ultrapassar 30% dos rendimentos mensais da pessoa física ou do faturamento da pessoa jurídica. 

Uma das maiores vantagens de contar com o consórcio para uma frota de caminhão é ter a possibilidade de planejar essa compra: é possível arcar com o valor das mensalidades normalmente e, quando identificar o melhor momento, fazer a oferta de lance para cada cota - ou para todas elas ao mesmo tempo. 

Esse tipo de aquisição não necessita de um amplo investimento por parte da pessoa jurídica. Basta determinar o melhor valor para cada cota e participar das assembleias. É possível aguardar a contemplação de todas as cotas de uma vez ou ir adquirindo seu bem sempre que uma das cotas for contemplada. 

Seja para a compra de um modelo ou de uma frota completa, o consórcio facilita o planejamento para a compra do seu caminhão. Você não paga entrada, nem juros, e conta com uma categoria segura, que facilita seu planejamento financeiro.  

Faça uma simulação de veículos pesados e aproveite os benefícios do consórcio para a compra do seu caminhão. 

chat Eva