Como é morar na cobertura?

Como é morar na cobertura?

Quem não gostaria de ter um apartamento nas alturas, em que é possível ter uma vista panorâmica e até mesmo poder personalizar o seu apê da forma que realmente deseja?

Por conta disso, apartamentos na cobertura costumam ser bastante procurados no mercado imobiliário, dando mais conforto para os moradores e até mesmo mais espaço para deixá-lo devidamente personalizado.

Algumas das principais cidades do país possuem apartamentos com cobertura, que dão um grande privilégio para os moradores. Claro que, para lidar com esse tipo de compra, é preciso desembolsar um valor maior na transação.  

Para que você avalie se vale a pena para você, vamos explicar os tipos de cobertura existentes, além de suas vantagens e desvantagens.

Quais são os tipos de cobertura?

Mesmo que os apartamentos com cobertura sejam bem conhecidos para quem pesquisa o ramo imobiliário, existem algumas diferenças, que iremos explicar a seguir.

  • Cobertura linear: geralmente ocupa um espaço único no edifício. Para acessar todos os cômodos do imóvel, por exemplo, não é preciso utilizar escadas ou elevadores privativos, permitindo melhor circulação interna.
  • Cobertura duplex e triplex: quando a cobertura ocupa dois ou mais andares de um edifício. Geralmente possuem o pé direito alto e utilizam elevadores privativos ou escadas para locomoção, utilizando de um espaço bem maior que os demais apartamentos do edifício.
  • Cobertura penthouse: conta com uma ampla área de ar livre e uma série de comodidades de luxo, como piscina, jardim, área gourmetizada, jacuzzi e, dependendo de seu tamanho, até mesmo uma academia para os moradores. Existem edifícios que trabalham com o conceito de penthouse mesmo em apartamentos que não possuem cobertura.

Agora que você conhece os tipos de cobertura, vamos falar sobre as vantagens e desvantagens de investir em um imóvel desse tipo.

Vantagens de morar em uma cobertura

As coberturas são muito cobiçadas pelas pessoas porque proporcionam mais espaço e conforto para os moradores. É possível desfrutar de uma área útil bem maior, afinal, trata-se da maior unidade habitacional do prédio.

Por conta disso, você pode criar uma estrutura de lazer que esteja dentro de suas vontades e necessidades. Veja com o síndico as opções que se têm com a cobertura. Dependendo do condomínio, é possível montar jacuzzi, piscina ou até mesmo uma academia dentro de sua estrutura.

Esses fatores fazem com que a cobertura tenha um índice de valorização maior que qualquer outro apartamento do condomínio. Por serem mais difíceis de encontrar, ao vender você pode ter um lucro considerável na transação.  

Além de todo o conforto e liberdade que proporciona, a cobertura favorece bastante a privacidade, permite contemplar uma vista incrível e atrai mais luminosidade para todo o apartamento. Quem busca conforto e bem-estar, certamente vai aproveitar tudo de melhor que uma cobertura tem a oferecer.

Desvantagens de morar em uma cobertura

O valor de uma cobertura é bem maior do que um apartamento convencional. Afinal, tanto luxo e tantas possibilidades de personalização exigem maior investimento por parte do interessado.

Leve em consideração a acessibilidade: pessoas idosas, por exemplo, podem ter maior dificuldade de locomoção em um imóvel desse tipo, principalmente se contar com muitas escadas.

Observe bem as questões estruturais que envolvem a compra de uma cobertura. Trata-se de uma moradia mais complexa e que, muitas vezes, envolve o trabalho de profissionais diferentes. Portanto, o custo de manutenção ou até mesmo de reforma de um imóvel desse tipo pode representar um custo maior para o comprador.

E, claro, vale lembrar que os moradores de uma cobertura devem seguir regras como qualquer outro morador. Veja quais são as exigências do condomínio, principalmente em relação ao uso da área privativa.

Quanto à parte burocrática, vale analisar se a nova metragem está de acordo com o cadastro na Prefeitura de sua cidade, para evitar qualquer tipo de problema na compra ou venda do imóvel.

Qual a melhor forma de investir em uma cobertura?

Os apartamentos com cobertura são muito procurados por conta de sua privacidade, luminosidade e, principalmente, conforto.

Por isso mesmo, as pessoas têm procurado bastante no mercado imobiliário formas de investir nesse tipo de moradia.

Entre todas as possibilidades, o consórcio se apresenta como a melhor forma de investir em uma cobertura. Com o consórcio de imóveis, você pode investir em um apartamento desse tipo sem ter que pagar valor de entrada ou juros, como acontece com o financiamento.

Trata-se de uma compra planejada: você não sai com o bem na hora em que inicia um consórcio, mas conta com a melhor forma de investir em um bem de alto valor a prazo.  

Diferentemente do financiamento, por exemplo, você não paga juros ou entrada para a compra da sua cobertura. Basta fazer uma simulação do consórcio de imóveis, inserir o valor necessário para a compra da cobertura e a quantidade de mensalidades que deseja pagar.

O simulador já retorna o valor da mensalidade do seu consórcio, com o acréscimo das taxas de consórcio, como taxa de administração, que remunera as empresas de consórcio por todos os serviços que realiza, e o fundo de reserva, que impede que a inadimplência de alguns integrantes inviabilize as contemplações. Um valor bem mais em conta que os juros do financiamento, que podem fazer com que o bem custe mais que o dobro de seu valor original.

No caso do consórcio de imóveis, é possível utilizar os recursos do seu FGTS na hora de ofertar o lance, que é um valor a mais que cada consorciado pode tentar com o objetivo de ser contemplado com antecedência.

Caso o valor de uma cota seja insuficiente para a cobertura, você pode investir em duas ou mais cotas de consórcio imobiliário, até formar o valor que você precisa para esse tipo de compra.

Portanto, invista desde já no sonho de ter uma cobertura. Faça uma simulação de consórcio de imóveis e planeje a compra do apartamento que você sempre quis, de forma planejada e que não irá comprometer seus rendimentos mensais.

Simulação
chat Eva