Conheça os tipos de frotas

Conheça os tipos de frotas

As frotas são conhecidas por atender uma empresa ou instituição e geralmente são compostas por modelos específicos e são comandadas por um gestor de frota. Além disso, as frotas podem ser próprias ou terceirizadas.

Convidamos você a continuar lendo se quiser saber mais sobre o conceito de frota, o que compõe o seu carro e os melhores modelos.

Todas as equipes são diferentes e cada uma tem vantagens e desvantagens. Cada um atende a uma necessidade, e cabe à empresa decidir qual é o melhor para o seu propósito.

Por isso trouxemos algumas dicas de como escolher o melhor perfil para você. Se sua empresa precisa alugar uma frota ou trocar uma já existente, fique de olho neste artigo que vamos te ajudar a entender melhor!

Como funcionam os tipos de frotas?

A frota é composta por motocicletas, automóveis de passeio, picapes, vans, furgões, caminhões, ônibus e ainda outros tipos de veículos destinados a atender as atividades da empresa, seja entrega de produtos, transporte de funcionários, atendimento, etc.

No entanto, para que uma frota atinja o seu máximo desempenho e esteja totalmente operacional, são necessárias várias operações de gestão e manutenção.

Independentemente do tamanho da frota da sua empresa, a gestão e o controle devem ser priorizados. Dessa forma, todos os serviços e cuidados preventivos precisam ser tomados para garantir a alta performance.

Quais são os principais tipos de frota?

Como gestor de frota, você deve entender os diferentes tipos de frotas e suas principais responsabilidades, certo?

Isso pode parecer uma informação básica, mas, se considerada estrategicamente, pode ajudar a melhorar o desempenho da gestão. Até mesmo obter insights sobre novos negócios.

Pensando nisso, listamos os principais tipos de frotas encontradas no Brasil. Saiba mais sobre eles abaixo:

Frotas de Entrega

Consiste em veículos que entregam mercadorias do centro da cidade e entregam localmente. Nesse caso, esse tipo de frota geralmente é composta por motocicletas e pequenos veículos utilitários. O mesmo acontece com empresas como restaurantes e outros prestadores de serviços.

Frotas de Caminhões

Ao dirigir por rodovias interestaduais, você geralmente encontrará vários tipos de caminhões. Inclua alguns que carregam produtos para determinadas empresas. Esse é um tipo de frota de caminhões que podem transportar produtos para diversas marcas.

Carsharing

Para resumir, o carsharing é um modelo de compartilhamento de veículos e segue a tendência mundial de economia compartilhada. O carsharing também é possível através de um aplicativo. Este aplicativo serve para auxiliar os usuários a pegar um carro e devolvê-lo em um determinado ponto da cidade.

Frotas Comerciais

Quando você pensa nas maiores frotas do mundo, como a da Coca-cola, elas geralmente têm uma variedade de tipos de veículos. Não basta possuir vans ou picapes para entregas na cidade, nem o suficiente para ter reboques para transporte de longo curso. Essas grandes empresas têm milhares de veículos que parecem diferentes e são usados ​​para tarefas diferentes a cada dia.

Frotas de Aluguel de Carros

Grandes locadoras possuem muitos veículos para alugar. Essas frotas possuem um tamanho considerável e são implantadas perto de aeroportos, rodoviárias e grandes centros comerciais. As empresas de aluguel de caminhões são similares. Eles possuem uma frota de caminhões individuais, que você pode alugar para qualquer finalidade, incluindo mudanças.

Frotas de Serviços Públicos

As empresas de serviços públicos como Prefeituras, Companhias de Energia e Saneamento e Secretarias Municipais usam frotas para fornecer serviços para a população. Pense na sua empresa elétrica local; quando o tempo está intenso e a energia acaba, a empresa envia membros de serviço que usam veículos da frota.

Qual o melhor modelo de gestão?

Na hora de considerar qual empresa é a melhor para você, leve em consideração que existem empresas especializadas que oferecem aluguel de frota para outras empresas, ou você pode optar por ter seu próprio veículo. Então, vamos dar uma olhada nos prós e contras desses dois modelos de gerenciamento de frota.

Frota própria

A frota própria inclui os veículos adquiridos e de propriedade da empresa e a responsabilidade pela manutenção desses veículos. Sua principal vantagem é a centralização de recursos e processos.

Alguns dos pontos negativos desse tipo de frota são os gastos, pois tudo depende da empresa e da burocracia operacional para colocar a frota nas ruas. Diante disso, é melhor ver qual deles se adapta melhor às suas necessidades.

Frota terceirizada

Com uma frota terceirizada, o veículo pertence a outra empresa e existe um contrato para definir por quanto tempo o veículo será utilizado. Algumas das vantagens deste sistema é que você não precisa se preocupar com burocracia e impostos.

Um plano de locação manterá suas despesas baixas e você ainda terá suporte no caso de um evento inesperado, além de poder sempre usar seu carro novo. No entanto, deve-se levar em consideração que o carro não pertence à empresa, portanto, deve-se ter cuidado com seu uso.

Se precisar de comprar um carro por um período de tempo mais curto, pode optar por alugar uma frota para esse serviço específico. Não possui os serviços de suporte de uma empresa terceirizada, mas atende bem em situações emergenciais ou de curto prazo.

Como ter uma frota própria com consórcio

O consórcio é a melhor opção para renovar sua frota, porque ele é seguro, consegue se adequar às necessidades de sua empresa e permite que ela se planeje para realizar o negócio.

O consórcio não exige o pagamento de entrada, taxa de adesão e não cobra juros. O valor total do crédito já é todo dividido nas parcelas, portanto a empresa sabe desde o início exatamente quanto terá que pagar pelo bem. Isso é ótimo, porque assim, é possível planejar as atividades financeiras do negócio com mais exatidão.

Ficou interessado? Faça sua simulação com a Embracon!

chat Eva