Como identificar combustível adulterado

Como identificar combustível adulterado

Se você abastece seu carro em qualquer posto de gasolina e nunca teve problemas com combustível adulterado, você está com sorte, já que no Brasil é muito comum encontrar motoristas reclamando deste problema.

A baixa qualidade do combustível pode danificar componentes importantes do motor do veículo e causar grandes perdas, sem reparos. Para evitar que isso aconteça, você precisa saber como identificar combustível de alta qualidade e aquele que foi adulterado. Existem alguns métodos que você pode usar para identificar se o combustível que você está usando é adulterado, acompanhe.

Verifique a luz de alerta do motor

Quando a luz de alerta com o desenho do motor é ativada no painel, indicando que o sistema de injeção eletrônica está anormal, o combustível adulterado pode ser um dos motivos. O sistema controla a entrada de combustível e calcula a porcentagem de mistura de ar, o que pode causar problemas ao lidar com etanol ou gasolina adulterados. Portanto, atente-se se a luz indicadora aparecer no painel e permanecer acesa, principalmente se for logo após o abastecimento.

Atente-se ao óleo

Se o óleo que sai do cárter estiver contaminado e as características esperadas mudarem, também pode ser devido à adulteração do combustível. Nesse caso, pode ser gasolina que contém solventes ou etanol que contém muita água.

Aumento de consumo

Se o seu carro estiver em boas condições, com as revisões em dia , o consumo médio deve permanecer estável. Se o consumo aumentar sem motivo, é provável que o combustível tenha sido "batizado" por alguma substância inadequada.

Redução de potência

Quando o combustível não está de acordo com o padrão, o carro quase sempre perde potência. Isso pode acontecer ao arrancar, quando demora a embalar, ou mesmo ao acelerar, quando não atinge a rotação normal.

Pré-ignição e detonação

Se mais pressão for aplicada ao motor, como ao dar a partida ou em uma subida, ele fizer um ruído semelhante ao de uma corrente de bicicleta mudando a marcha, é provável que a qualidade do combustível seja ruim.

Carro "engasgando"

Se o carro tiver um pequenas "engasgadas'', ou seja, um defeito em que o motor parece estar “morrendo”, também indica que o combustível do tanque pode estar adulterado.

Consequências do uso de combustível adulterado

Abastecer seu veículo com combustível adulterado pode trazer graves consequências para o automóvel. Veja alguns problemas causados pelo combustível adulterado.

Bicos injetores e filtros entupidos

Você pode já ter ouvido falar de "batida de pino", ele ocorre quando a gasolina é queimada de forma incompleta. Se esse processo não ocorrer de maneira correta, irá desencadear carbonização interna, liberar impurezas, poluir todo o sistema e danificar certas partes do motor. Com isso, os bicos injetores são os primeiros a apresentarem defeitos, pois os filtros vão saturar porque vão precisar trabalhar mais do que o normal.  

Se forem formadas partículas de sujeira mais espessas, a situação será mais grave, pois o bloqueio das partes responsáveis ​​pelo transporte do combustível impedirá o fornecimento da quantidade necessária de fluido, agravando a degradação do desempenho. A solução aqui é abrir tudo e limpar o bico em geral, mas se o dano for muito grande, é preciso trocar as peças.

Problemas na lubrificação

Ao determinar o tipo de combustível de um carro, você está escolhendo o óleo lubrificante e outros consumíveis e componentes para o motor. Portanto, se a gasolina for trocada conforme a porcentagem de álcool aumenta, ou se o próprio álcool absorver mais do que a quantidade permitida de água, toda a capacidade de lubrificação do óleo selecionado será afetada.  

Sem a lubrificação adequada, entre outros problemas, as peças sofrerão desgaste excessivo, principalmente devido ao desgaste mecânico, desgaste e calor. Claro, há deterioração normal, mas o fluido deve retardar a deterioração. Itens como pistões, cilindros, camisas de cilindro e anéis de pistão são os mais impactados. Aqui, a substituição de peças é a solução mais adequada.

Dificuldades na partida a frio

Devido ao baixo poder térmico do etanol, quando esse líquido é misturado em excesso à gasolina, aumenta a dificuldade de partida a frio de um motor que utiliza este combustível. Isso porque o motor precisa de mais líquido para dar partida, pois o sistema de injeção calibrado para gasolina não consegue atender a essa demanda. A solução é remover todo o combustível adulterado e adicionar um combustível de qualidade.

Queima da bomba de combustível

Se a viscosidade e a capacidade de lubrificação do combustível atenderem aos padrões de fabricação, a bomba de combustível poderá funcionar normalmente. Se algum atributo for alterado, inevitavelmente haverá problemas operacionais. E quanto mais tempo o combustível é usado, mais sério é o problema. Esta é uma das primeiras peças a serem inspecionadas e, se danificada, precisa ser substituída.

Como solucionar os problemas causados ​​por combustível adulterado?

Se o veículo ainda estiver funcionando, a medida de menor custo é adicionar aditivos ao tanque de combustível, como:

  • DX Fuel: é capaz de aumentar a potência do motor, gerando economia de combustível. Além disso, reduz a quantidade de poluentes eliminados pela queima de etanol, óleo diesel ou gasolina
  • Perfect Clean: previne quebras de válvulas, riscos nas camisas dos cilindros e obstrução dos catalisadores.
  • STP Octane: eles aumentam a octanagem (resistência do combustível à detonação), ou seja, quanto maior a resistência do combustível, maior a compressão que ele pode suportar (quanto mais energia queima o combustível, maior é a potência do carro).

Se você acha que o problema da gasolina adulterada ou de outros combustíveis é sério, o ideal é esvaziar o tanque e guardar o combustível suspeito. Depois disso, limpe imediatamente o tanque de combustível e reabasteça em um posto de gasolina confiável, consulte outras medidas:

  • Testar a vazão da bomba e realizar uma limpeza caso necessário;
  • Substituir os filtros de combustível;
  • Caso o veículo possua carburador verifique a necessidade de realizar uma limpeza, e caso seja injeção testar a válvula reguladora de pressão;

Vale ressaltar que, para todos os veículos é essencial substituir os filtros de combustível no prazo recomendado pelo fabricante. É importante também saber o consumo médio de combustível do seu veículo. Se você achar que o desempenho caiu após abastecer em algum lugar, troque de posto.

Simulação
chat Eva