Viagem econômica: confira nossas dicas para viajar com pouco dinheiro

Viagem econômica: confira nossas dicas para viajar com pouco dinheiro

Você sabe qual é o maior sonho dos brasileiros? De acordo com pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), é viajar para o exterior.  

Ultimamente, esta opção tem ficado cada vez mais distante, principalmente com o aumento do câmbio e com a frágil situação econômica do país.

Entretanto, é possível se planejar para realizar este sonho. Ou, se a grana estiver curta demais, planejar uma viagem pelas cidades brasileiras.  

Confira as principais dicas de viagem para economizar bem.

Ficar atento às passagens

O segredo é se preparar para a viagem com antecedência. Decida bem o lugar que deseja ir e acompanhe os preços das passagens aéreas.

Mas não precisa ser com tanta antecedência assim. Isso porque muitas companhias aéreas faturam com isso, já que deixam o preço das passagens elevados.

O mais indicado é comprar entre 25 e 40 dias antes as passagens – quando se trata de viajar pelo Brasil.

Em viagens para o exterior, porém, o prazo é um pouco maior: em baixa temporada, o indicado é comprar entre 30 e 60 dias. Já em alta temporada é preciso se planejar com mais antecedência e comprar entre 60 e 120 dias antes.

Ah, outra dica valiosa: se você costuma fazer compras com cartão de crédito, fique atento ao seu programa de milhas. Se tiver uma boa pontuação acumulada, pode obter desconto na hora de comprar as passagens.

Hospedagem

Muitas agências de viagem costumam recomendar hotéis luxuosos, com o argumento de que irão proporcionar um momento confortável. Entretanto, nem sempre essa opção sai barato.

Quem quer economizar pode se ‘aventurar’ um pouco mais e procurar hostels, por exemplo, que costumam ter preços mais atrativos e boas acomodações. Verifique as avaliações e as imagens, para ver se realmente vale a pena.

Outra opção é alugar uma casa diretamente com o proprietário. Com aplicativos como o Airbnb, por exemplo, é possível ficar em uma boa acomodação sem pagar caro.

Viajar na baixa temporada

Em datas comemorativas, feriados prolongados e meses de férias, ou seja, em alta temporada, não só as passagens costumam sair mais caras; hospedagem, serviços e, tratando-se de locais turísticos, até mesmo comida, supermercado, aluguel de carro e lazer saem mais caros.

Por isso e muito mais, viajar na baixa temporada é uma das melhores formas de garantir uma viagem econômica.

Quem gosta de tranquilidade ou deseja conhecer mais a fundo a cidade, viajar na baixa temporada é, sem dúvidas, a melhor opção.

Imagem Consorcio Embracon CTA

Bagagem: menos é mais

É possível viajar por um curto período de tempo apenas com uma bagagem de mão. Se for ficar mais tempo, economize na bagagem. Além de evitar ter que pagar a mais pelas malas (e passar pelo desconforto de esperar na esteira), você ganha tempo.

Se for viajar pela Europa, algumas companhias cobram bem mais barato se não despachar mala, por exemplo.

Qual a melhor forma de viajar pagando menos?

Você sabia que é possível organizar uma viagem a partir do consórcio de serviços?

Basta fazer uma simulação da carta de crédito – entre R$ 15 mil e R$ 30 mil – e ajustar a quantidade de parcelas que deseja pagar, de acordo com o seu orçamento.

Com o consórcio de serviços, você tem poder de compra à vista de tudo que envolve a viagem. Quer conhecer mais? Então faça uma simulação no nosso site e organize-se desde já!

Gostou do nosso post? E que tal saber mais sobre as nossas novidades em tempo real? Siga-nos nas redes sociais e veja tudo na sua timeline. Estamos no Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn, além de um canal incrível no YouTube.
chat Eva