INCC e IPCA: por que eles são tão importantes no consórcio?

INCC e IPCA: por que eles são tão importantes no consórcio?

O consórcio é uma forma flexível de investir em bens de alto valor.

Muitas pessoas passam anos contribuindo com a mensalidade. Nesse período, o país passa por muitas movimentações econômicas: da oscilação do dólar às mudanças na oferta e demanda de produtos, todas essas variáveis estão interligadas.

Por isso que, quando dizemos que a economia não está tão bem, praticamente todos os setores são impactados - alguns podem seguir uma linha positiva, enquanto outros não. Tudo isso é medido por índice.

Os índices permitem acompanhar a oscilação dos preços. Alguns setores da economia possuem índices próprios, mas a verdade é que a maioria deles está relacionado a um termo que muitos conhecem bem aqui no Brasil: a inflação.

É para que o governo e os setores da economia entendam o impacto nos preços que os índices atrelados à inflação são tão importantes.

Dois deles influenciam setores importantes de consórcio: automóveis e imóveis. É o caso do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) e do INCC (Índice Nacional de Custo da Construção). Vamos explicar a importância de cada um deles a seguir.

O que é IPCA?

O IPCA é o índice de inflação mais utilizado no Brasil. Foi criado em 1979 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com o objetivo de medir a inflação de um conjunto de produtos e serviços que são comercializados no varejo.

Para essa medição, é levado em consideração o consumo pessoal das famílias mês a mês.

O IBGE avalia o consumo que abrange cerca de 90% da população que possui rendimentos de 1 a 40 salários mínimos das áreas urbanas das principais cidades brasileiras.

Para o acompanhamento, o instituto considera compras em pagamento à vista ou em dinheiro. São pessoas das regiões metropolitanas de Belém, Fortaleza, Recife, Salvador, Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, além do Distrito Federal e dos municípios de Goiânia, Campo Grande, Rio Branco, São Luís e Aracaju.

Cada setor da economia tem uma atribuição de peso diferente dentro do IPCA. A cesta básica, por exemplo, acaba impactando mais não só por ser um item essencial para a alimentação dos brasileiros - mas também por ser o setor que mais compromete a renda dos mais pobres.

Por ser um índice atualizado mensalmente por uma medição oficial do governo, o IPCA acaba sendo parâmetro para entender a elevação nos preços da maioria dos produtos ofertados. É a partir dessa medição que entendemos se o país está com uma inflação muito alta ou não.

Um IPCA alto afeta principalmente os mais pobres, que terão que gastar mais para a compra de itens básicos. Além do IPCA, outro índice que ajuda a ter controle da inflação do país é o IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado), que é medido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e costuma ser bastante utilizado para correção de contratos de aluguel.

Além da oferta e demanda de produtos e serviços, outro ponto que impacta a inflação é o excesso de dinheiro circulando no mercado - quando o Banco Central aproveita o bom momento econômico para impulsionar o consumo dos cidadãos.

No consórcio, o segmento mais afetado pelo IPCA é o de automóveis. Já o setor imobiliário conta com um indexador próprio, também atrelado à inflação: o INCC, que iremos detalhar a seguir.

O que é INCC?

Calculado pela FGV, o INCC mede mensalmente itens relacionados à construção civil do país, como materiais, mão-de-obra e matéria-prima.

Sua coleta de dados também é concentrada nas principais capitais brasileiras e serve como parâmetro de preços para todo o setor imobiliário.

Só que, diferente do IPCA, o INCC não costuma ser tão dependente de outros setores econômicos. Na verdade, ele está mais próximo de índices que medem os preços gerais, como o aumento da oferta monetária pelo Banco Central.

Quando se trata especificamente de compra de imóveis, o INCC tem impacto direto no parcelamento. Digamos que você esteja comprando um apartamento, por exemplo. É um processo de compra extenso que tem muitas variáveis. Para que o seu apartamento não seja desvalorizado em um longo período de tempo, o cálculo do restante a pagar é afetado pelo INCC.

Isso porque o INCC indexa e reajusta automaticamente o valor de todos os imóveis vendidos a prazo (ou seja, não leva em consideração a compra à vista).

Por ter um indexador próprio, ter dinheiro alocado em imóveis é uma forma de se proteger da inflação dos setores básicos da economia, já que possui uma rentabilidade própria.

Como o INCC e o IPCA impactam o consórcio

Como já dissemos, os índices servem para acompanhar como a economia impacta os produtos e serviços do país. É por conta da inflação, por exemplo, que é definido valor de salário mínimo e da tabela geral de preços.

O consórcio de automóveis é impactado diretamente pelo IPCA. Essa correção é feita anualmente pelas administradoras.

Para entender como funciona, peguemos o seguinte exemplo: digamos que você esteja investindo em uma carta de crédito de R$ 50 mil para a compra de um carro.

Após completar um ano pagando as mensalidades, é aplicada a correção do IPCA acumulado no período. Caso este índice tenha chegado a 5%, o valor da sua carta de crédito passaria para R$ 52.500, que será distribuído pelas mensalidades que faltam pagar.

Ao corrigir a carta com esses índices, o consórcio protege o consumidor da possível desvalorização do bem por conta dos ciclos econômicos. Afinal, se o carro que você desejaria adquirir aumentar de preço quando você for contemplado, provavelmente será por conta do índice de preço. Por isso o IPCA é importante, para que você não seja prejudicado pela perda do poder de compra.

O mesmo vale para o consórcio imobiliário, indexado pelo INCC. A correção também é feita de forma anual. Geralmente o INCC possui uma variação menor quando comparada à inflação geral de preços e serviços. Assim, quando você for contemplado com a casa dos seus sonhos, saberá que pagou por um valor justo.

O consórcio é a melhor forma de investir em um bem de alto valor, a médio de longo prazo. Faça uma simulação agora mesmo!
Simulação Consórcio
chat Eva