As principais dicas de como planejar suas férias para a Europa

As principais dicas de como planejar suas férias para a Europa

O velho continente continua sendo um dos destinos que mais atraem turistas do mundo inteiro. Com suas belezas únicas e ruas que são museus a céu aberto, a Europa propicia experiências únicas  em viagens para todos os gostos.

E são inúmeras opções! Para os mais urbanos e contemporâneos, cidades como Londres e Berlim. Para os apaixonados por luz e arte, Paris e Praga. Para quem quer curtir uma praia no verão, a Riviera Francesa e as praias de Portugal e Espanha.

Por serem cidades muito únicas e com histórias peculiares, cada uma tem atrativos incríveis. Então na hora de planejar a sua viagem, é muito importante levar em consideração o que você quer conhecer primeiro. Fizemos uma lista de dicas para você planejar a sua viagem a Europa com calma e pensando em todos os passos. Confira:

Quanto tempo você tem de férias

Com certeza essa informação fará toda a diferença no seu planejamento final. Isso porque o tempo que você vai ficar fora vai determinar quanto você vai gastar no seu período de férias.

Além da quantidade de dias, a época que você vai também influencia muito em quanto você vai gastar e qual tipo de programa você fará. Por exemplo, se você for no verão, com certeza as praias são ótimas opções, agora se você preferir um friozinho e até quem sabe esportes de inverno, o ideal é ir no final do ano.

Uma dica é que se você preferir ir ao inverno, os parques temáticos costumam fechar, mas o preço também costuma diminuir por não ser alta temporada.

Para aproveitar o melhor do verão, viaje de junho a setembro. Em agosto é a época que os europeus mais tiram férias, então evite o máximo que puder essa época, já que todos os lugares costumam estar lotados. Já para curtir o inverno, viaje de janeiro a março.

Para você ter certeza, essa são as estações do ano no hemisfério norte:

Primavera: 21 março até 20 junho

Verão: 21 junho até 20 setembro

Outono: 21 setembro até 20 dezembro

Inverno: 21 dezembro até 20 março

Defina os seus destinos

Tratando-se de Europa, essa é a parte mais difícil de escolher. Ao todo são 50 países e cada um com uma particularidade e com belezas diferentes. São praias, montanhas, cidades lindas, os melhores museus do mundo, e muito mais!

Leia o máximo que você puder sobre as atrações turísticas e comece a selecionar quais lugares você sonha em conhecer. Caso você pense em conhecer mais de um país, é legal você pensar em qual será a logística para ir de um país ao outro. Na Europa além de estações de trem espalhadas por todas as cidades, as companhias aéreas locais são super em conta.  

Qual o seu orçamento?

A maioria dos países da Europa usam o euro como moeda, mas alguns como a Inglaterra e a Suíça, não. Então, antes de qualquer coisa, descubra quais moedas você precisará levar e cheque todas as cotações. Uma ótima sugestão é levar cartões viagem com valores pré aprovados.

Depois que hotel e passagem aérea estiverem quitados, você precisa pensar em um valor para ser gasto por dia, de acordo com cada país. Pesquise bastante porque esse valor também pode mudar bastante de um país para o outro.

Documentação e exigências de cada país  

Ao contrário dos Estados Unidos, os países da Europa não exigem vistos para viajar a turismo para os países da União Europeia.

O turista passa por uma entrevista na entrada do país para entrar em cada país. Para isso acontecer é essencial que você leve a documentação toda completa, e é legal levar holerites, seguro saúde, comprovante de hospedagem, passagem de ida e volta e comprovante de renda.

Seguro Saúde

Na Europa, o seguro viagem é obrigatório. A cobertura mínima é de € 30.000 para tratamento em caso de doença ou acidente. Ele é essencial para que você possa contar com tratamento médico em caso de alguma emergência. Existem uma infinidade de seguradoras, por isso na hora de fechar o seu plano certifique-se que ele cobre todo o período da sua hospedagem.

Além disso, não esqueça de levar uma bolsinha com remédios daqui do Brasil. Se você toma algum tipo de medicamento controlado, leve o número certo de comprimidos e até uma cartela extra para emergências. Alguns remédios básicos no Brasil são difíceis de encontrar fora daqui, e por isso, é ótimo que você já leve uma bolsinha com antitérmicos, remédios de dor de cabeça, para enjoo, entre outros.

Contrate um consórcio

O consórcio é uma excelente forma de levantar a quantia que você pretende gastar pagando pouco. Faça uma simulação em nosso site entenda como a Embracon pode te ajudar a realizar esse sonho de conhecer a Europa.
Simulação Consórcio Viagem
Gostou do nosso post? E que tal saber mais sobre as nossas novidades em tempo real? Não esqueça de nos seguir nas redes sociais e veja tudo na sua timeline. Estamos no Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn, além de um canal incrível no YouTube.

chat Eva