Como funciona e quais são as vantagens da direção elétrica?

Como funciona e quais são as vantagens da direção elétrica?

Como funciona e quais são as vantagens da direção elétrica?

Em busca de conforto, segurança e desempenho, o setor automotivo está sempre trazendo novas tecnologias e reduzindo custos. O que era antes um privilégio apenas dos veículos mais luxuosos, vem se popularizando e, atualmente, a direção elétrica já é encontrada até nos automóveis mais baratos, além de se tornar um diferencial na hora de comprar um carro.

Mas será que ela realmente é melhor que a versão hidráulica? Como funciona e quais são as suas vantagens? Continue conosco e veja as respostas dessas e de outras perguntas!

Como funciona a direção elétrica e quais as diferenças em relação às outras?

Assim como o câmbio automático, tanto a direção elétrica quanto a hidráulica foram criadas basicamente com dois propósitos: facilitar a condução do veículo e trazer mais conforto aos motoristas. Em todos os quesitos, a versão mais moderna se destaca, sendo bem mais eficiente.

Diferentemente da opção hidráulica, que usa uma bomba de óleo ligada ao propulsor para auxiliar o motorista, a elétrica vem com um motor integrado à caixa de direção. Por meio de sensores, a rotação gerada no volante é monitorada e enviada a ele, que é responsável por transmitir esse movimento as rodas.

Comparado principalmente a direção hidráulica, o grande diferencial desse sistema é o fato de ele não consumir recursos do motor. Em alguns carros, isso pode resultar em uma economia de até 5% no consumo de combustível.

Quais são as vantagens em dirigir um carro com direção elétrica?

Esse estilo de direção não tem se popularizado por acaso, pois traz uma série de vantagens em relação aos modelos sem assistência ou hidráulicos. A única desvantagem é o custo de reparo mais alto.

Porém, ainda assim, a sua escolha é compensada se analisarmos a relação custo-benefício e se as manutenções preventivas forem feitas regularmente. Veja as principais vantagens dessa versão!

Maior leveza nas manobras e segurança em altas velocidades

Comparada aos modelos hidráulicos — que até então eram mais confortáveis durante as manobras —, o elétrico é bem mais leve e exato. Essa precisão é sentida principalmente quando o veículo está em altas velocidades e você tem a sensação de tê-lo mais sobre controle.

A resposta da direção elétrica também tende a ser mais rápida, o que aumenta ainda mais a impressão de controle. Outro fato é que, por não depender do motor para funcionar, caso o propulsor não esteja em condições perfeitas, você não vai perceber nenhuma diferença na maciez do volante, o que não ocorre na versão hidráulica.

Menor peso e nenhum tipo de vazamento

Outra questão é relacionada ao peso do conjunto, que é mais leve quando comparado à caixa com assistência hidráulica. Esse fator também pode influenciar no consumo de combustível, principalmente nos modelos mais compactos e recomendados para uso em ambiente urbano.

Quem já teve um carro com mecanismo hidráulico sabe a dor de cabeça que pode acontecer por causa de vazamentos e, por não utilizar nenhum tipo de fluido para auxiliar o motorista durante as manobras, a versão elétrica ganha mais pontos em relação à sua concorrente.

Para quais tipos de veículos e condutores a direção elétrica é mais indicada?

O controle elétrico pode ser usado em qualquer tipo de veículo, mas, por ser mais leve e não consumir recursos do motor, é mais empregado em veículos com pouca potência, normalmente hatchs e pequenos sedans.

Quanto ao perfil dos motoristas, ela é muito indicada para quem ainda não tem experiência com veículos ou quem cansou dos vazamentos da versão hidráulica, principalmente pela sua praticidade de trabalho.

A direção elétrica veio para ficar e é bem provável que ela venha a substituir totalmente a versão hidráulica em alguns anos. Se isso acontecer, é possível que os custos de manutenção sejam reduzidos, eliminando talvez a única desvantagem desse sistema.

Gostou do nosso post? Ficou com alguma dúvida ou tem algo a acrescentar? Então, deixe agora mesmo o seu comentário!

Simulação de Consórcio
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

Ler próximos artigos

Consórcio