Fim da pandemia? O que mudará no mercado imobiliário em 2022

Fim da pandemia? O que mudará no mercado imobiliário em 2022

O que podemos esperar do mercado imobiliário com essa nova fase que está chegando? Mesmo com a crise em vários setores econômicos, nosso mercado foi um dos que mais se sentiram otimistas nas vendas, aumentando no primeiro semestre de 2021 27,1% em comparação ao mesmo período de 2020.

Um dos principais motivos que influenciaram nesse aumento na procura de imóveis foi a própria pandemia, que mudou o gosto e as necessidades dos consumidores imobiliários, além disso, a taxa de juros básica em um patamar baixíssimo também foi crucial para esse crescimento. O corretor que não vendeu imóveis nos últimos 2 anos, não soube aproveitar as oportunidades.

Algo que agora está preocupando muitos profissionais do mercado é tendência da alta da Selic e também do valor dos materiais de construção, mas segundo pesquisas, mesmo com esses aumentos, o mercado imobiliário seguirá forte até pelo menos 2025, sendo ainda extremamente vantajoso comprar uma nova moradia.

Tendências do mercado para 2022

A digitalização do mercado imobiliário é um caminho sem volta, as visitações não precisarão mais ser pessoalmente (a não ser que o cliente prefira), a parte burocrática será um pouco menor e a assinatura dos contratos, principalmente de aluguel, deverão ser on-line. Outra tendência tecnológica será que veremos mais corretores de imóveis e imobiliárias com sites próprios, optando as vezes por não utilizar um portal imobiliário.

Já quando o contexto é a estrutura do imóvel, a procura ainda será por casas com ampla área de lazer, espaços para home office tanto nas áreas comuns dos condomínios quanto dentro de casa. Já os imóveis comerciais serão marcados por espaços menores, onde pouca pessoa trabalhará, pois a tendência é que as empresas trabalhem cada vez mais de forma híbrida ou remota. mercado imobiliário

A preocupação com o meio ambiente também será uma grande tendência em 2021. Essa será uma alternativa para reduzir gastos de energia, reutilizar água e reduzir as contas mensais.

Fonte: Publicidade Imobiliária

chat Eva